Meu melhor amigo me arrombou todinha

Olá, meu nome é Danielle e o conto que vou narrar abaixo é totalmente verídico. Sou de Campinas, interior de São Paulo. Tenho 1,62 de altura, 50 kg bem distribuídos, cabelos lisos e castanhos com luzes, olhos azuis, peitos grandes, bunda média e coxas bem definidas. Bom, meu melhor amigo, Pedro tem cabelos claros e cacheados, olhos verdes, magro, corpo bem definido e alto, um verdadeiro tesão. Sempre tivemos um relacionamento bem aberto, falávamos sobre tudo um com o outro. E em uma dessas conversas, estávamos falando sobre sexo. Ambos erámos virgens e ele me perguntou: ‘ Dani, com quantas anos você quer transar? ‘ – eu respondi: ‘ Não sei, ‘ ele: ‘ Se eu pudesse hoje mesmo hahahaha ‘ então eu disse: ‘ É, mas eu quero fazer sexo com alguém que eu confie e ame muito. ‘ ele: ‘ Tipo eu? ‘ e eu respondi: ‘ hahahaha é ‘ então conversa vai, conversa vem, Pedro disse: ‘ Vamos fazer um pacto? ‘ eu: ‘ Que tipo de pacto? ‘ ele: ‘ Vamos perder a nossa virgindade aos 16? ‘ eu concordei na hora e então ele selou o nosso Continue lendo Meu melhor amigo me arrombou todinha…

Fantasia sensual da minha esposa puta tarada

Olá amigos, esse é o meu primeiro relato, espero que gostem. Casada há 7 anos com um homem incrível, charmoso, sensual, sempre nos demos bem na cama. Desde o namoro sempre adorei explorar o corpo do meu amado, seduzi-lo, colocando roupas sensuais só para ele, colocando calças apertadas e rachando a buceta me exibindo pra ele, vestindo fantasias etc.. Certo dia enquanto ele trabalhava eu o esperei vestida de colegial com um pirulito na boca, toda maquiada cheirosa. Sou morena clara, olhos claros, uma boca carnuda que adora brincar, lamber o corpo do meu esposo. Transamos quase que diariamente, sempre tive muito fogo na cama. Confesso que sempre desejei meu esposo como um todo, só de olhar para ele já tenho vontade de tirar sua roupa e encaixar aquele pau dentro de mim. Na hora do sexo nunca tive vergonha, já fiz meu esposo enfiar além do seu belo pau, também brinquedos, gosto que me arrombe, já pedi para ele enfiar os dedos da mão na minha buceta e ele se empolgou tanto que quase enfia o braço, gritei de dor mas foi uma dor gostosa. Frequentamos casas de swing mas nunca fizemos troca de casal, embora isso já tenha passado por nossa mente confesso. O meu desejo por esse homem é tanto que me excito só de olhar. Gosto muito de dominar também, com ele Continue lendo Fantasia sensual da minha esposa puta tarada…

Fodendo a madrasta da minha namorada

Olá, me chamo Thiago, tenho 23 anos e namoro uma linda mulher mais velha de 26 anos, morena, baixinha e magrinha, dos seios médio. Ela mora no interior e fazemos faculdade na capital, viajamos todas as férias para a casa dela. O pai dela é dono de farmacia no interior e casado com a madrasta, uma ruiva, com um corpão, seios fartos e grandes, com um rabo lindo, enorme, porem com a barriga chapadinha, uma verdadeira cavala.

Bom o caso ocorreu quando fui pela primeira vez lá com minha namorada. Ao chegar, fui para o andar de cima da farmacia onde eles moravam, lá estava a madrasta dela, lind, radiante, com uma calça colada e uma blusinha solta. Fomos apresentados e ela me comeu com os olhos. Continue lendo Fodendo a madrasta da minha namorada…

Comendo a Manicure da Minha Eposa

Atualmente sou casado a pouco menos de um ano. Minha esposa tem um ritual semanal de fazer as unhas e normalmente a manicure vem em casa fazer o atendimento. A questão é que como eu trabalho fora, eu nunca havia visto a tal manicure. Mas recentemente entrei de férias e passando a maior parte do tempo em casa, tive o privilégio de conhecer a Solange, uma loira gordinha muito linda. Seus olhos azuis como piscina são do tipo que fascinam quem se atreve a olhar para eles. A boca carnuda é um deleite e faz a mente de qualquer homem. Conforme o título do conto ela é gordinha sim. Mas uma gordinha daquelas de parar o trânsito, com seu jeito sensual e aquele sorriso encantador. Mesmo sendo gordinha, as formas do seu corpo são de uma volúpia incrível, com uma cintura fina, bunda empinada e seios médios maravilhosos. Os cabelos louros descem até a cintura, porém ficam a maior parte do tempo presos. Talvez pelo calor. Continue lendo Comendo a Manicure da Minha Eposa…

Tirando a virgindade da Priminha Safada

Olá, vou contar a vocês a história de como tirei a virgindade da minha prima, usarei nomes fictícios para preserva a integridade de ambos, essa história é veridica ok! Me chamo roberto tenho atualmente 23 anos, sou um cara normal com aparência física normal nada extravagante com um dote de 17 cm, essa história começou quandos eu estava com 18 anos, nessa época estava namorando com uma priminha que tinha na época 13 anos isso mesmo 13 anos, vou chamala de Rubia, Rubia era uma menina linda com um corpo bem desenvolvido para sua idade, a gente começou a namorar e quando fizemos um mês de namoro comecei com as investidas, nos amassos rolavam mãos bobas não só minhas mas dela também e o tesão só ia almentando eu sempre queria mais só que Rubia ainda tinha medo de ir mais adiante em certo momento conversando com ela na varanda de sua casa entre amassos eu sugeri. Continue lendo Tirando a virgindade da Priminha Safada…

Sexo delicioso na terceira idade

Meu nome é Marianna, apelido Mary. Tenho 62 anos e graças à boa genética familiar e aos cuidados que sempre tive com a saúde e com minha pele, apesar da idade continuo com o corpo tipo mulherão, coxas grossas e lisas e uma bunda grande e arredondada. Logicamente, não posso me comparar às mulheres jovens e às de 40 a 50 anos, mas sou bastante preservada. A única correção que fiz foi numa cirurgia plástica há cerca de dois anos para corrigir os seios que estavam um pouco caídos. Fui casada com o primeiro namorado e só tive relações sexuais com ele. Não tive filhos e fiquei viúva cedo, com cinquenta anos. Depois disso sofri um pouco com o período da menopausa, mas como nunca tive vida sexual muito ativa, pois desconfiava até que meu marido tinha certos comportamentos homossexuais, dediquei-me por inteiro à minha profissão de professora. Moro sozinha num prédio onde conheço algumas mulheres, mas tenho amizade apenas pela Luiza, quinze anos mais jovem que eu e muito agradável no trato diário e no convívio familiar com um filho que mora com ela. Como recebo pensão do meu marido e a amiga vive de aluguel de imóveis, passamos muitas tardes conversando sobre nossas vidas. Ao ficarmos mais íntimas, contei para ela que a minha vida sexual se resumira exclusivamente ao marido e falei sobre a desconfiança que tinha sobre seu comportamento na cama, tendo a amiga concordado que era estranho e que provavelmente ele fosse homossexual. Assim, nunca descobrira qualquer prazer no sexo. Continue lendo Sexo delicioso na terceira idade…

Sexo com a Coroa Tatuada

Recentemente, conheci uma mulher muito linda que reside nos arredores do bairro. A primeira vez em que a vi, foi em uma manhã de segunda-feira, quando praticava minha habitual caminhada por uma praça que fica bem próximo da minha casa. Ela estava passeando com seu cachorrinho de estimação, o que, em princípio, me pareceu um hábito regular por parte dela. Fiquei observando-a enquanto caminhava e registrando sua beleza incomum: era uma mulher entre cinquenta e sessenta anos, porém nada denunciava esse fato. Tinha os cabelos médios ondulados com uma mecha lateral que a deixava ainda mais bonita. Seus olhos negros tinham um brilho incomum, diria, especial, e seus lábios finos eram realçados pelo batom de um vermelho discreto. Continue lendo Sexo com a Coroa Tatuada…

Putaria no banheiro dos caminhoneiros

Oiii! E ai gente! Gi aqui, tudo bem? Minha vez de postar!! Vou contar de uma vez quando eu fui na casa de uma amiga e acabei descendo alguns pontos antes, e acabei tendo que usar o banheiro de um posto na beira da estrada. E que banheiro… rs. Pra quem não conhece a gente ainda, é só entrar no nosso perfil e no nosso primeiro conto tem nossa apresentação e todas nossas descrições e tudo o mais.

Um dia, eu combinei com uma amiga de ir na casa dela. Marquei de ir sexta feira, no meio da tarde, pq a gente ia fazer um trabalho e depois a noite iriamos pra uma balada. Saí de casa lá pelas 14h, com minhas coisas na mochila (material, roupa, maquiagem, etc). Vesti um shortinho jeans bem apertado e um top branco que deixava meu umbigo de fora e tinha um pouco de decote. Fui andando até o terminal de ônibus e enquanto esperava, comprei um refrigerante e fiquei bebendo. Continue lendo Putaria no banheiro dos caminhoneiros…

Página 5 de 79« Primeira...34567...102030...Última »