Amiga loirinha

Conheci ela através do badoo ela de outra cidade veio ao meu encontro, nos encontramos e fomos a um posto de gasolina conversar. Conversamos no carro dela e logo começamos a nos beijar e logo nossas mãos acariciavam um ao outro. Ela agarrou no meu pau e eu fui a loucura falei vamos pro motel. Chegando lá pagamos um pernoite e aos beijos e carícias começamos nossa noite prazerosa. Ela com 1.60 cm gordinha com uma bunda bem avantajada deitou na cama e eu comecei a chupar sua bucetinha que estava mega molhada. Ela se estremecia toda em seguida ela pediu para mamar meu pau e fizemos um 69 gostoso, comecei fudendo ela d4 esticava forte e ela gemia e gozava a todo momento depois fomos

Continue lendo Amiga loirinha…

Aprendendo a ser uma Submissa

Meu nome é Ana, 37 anos, sou casada. Estou escrevendo pela primeira vez.
Há algum tempo atrás, assim como algumas milhares de mulheres, comecei a ler 50 tons de cinza, o que me despertou uma curiosidade sobre o assunto. Nunca tinha me interessado por isso, aliás, nunca nem me passou pela cabeça algum dia fazer algo parecido com o que li no livro. Mas como sou curiosa quando o assunto me interessa e gostei do que eu estava lendo, resolvi pesquisar mais sobre.

Continue lendo Aprendendo a ser uma Submissa…

Não consigo pensar sem ficar molhada.

Então, por onde começar?
Sou morena , olhos verdes e lábios carnudos. Não costumo trair não, mas ultimamente eu andava com um fogo incontrolável, pois uma vez meu colega de serviço veio me contar que tinha sonhado comigo. Isso mesmo, sonhado que eu estava com um vestido vermelho bem coladinho que realmente eu costumo usar, e que eu dançava puxando aquele vestido bem lentamente para o provocar.
Sério quando ele me disse aquilo eu me contorsia na cadeira de tanto desejo, minha vontade era melar o pau dele na bucetinha que já estava toda molhada e piscando. Mas eu me contive e resisti, não me deixar levar pela emoção e fui para casa pois eu era casada. Continue lendo Não consigo pensar sem ficar molhada….

Depois de ler 50 tons de cinza

Meu nome é Ana, 37 anos, sou casada. Estou escrevendo pela primeira vez.

Há algum tempo atrás, assim como algumas milhares de mulheres, comecei a ler 50 tons de cinza, o que me despertou uma curiosidade sobre o assunto. Nunca tinha me interessado por isso, aliás, nunca nem me passou pela cabeça algum dia fazer algo parecido com o que li no livro. Mas como sou curiosa quando o assunto me interessa e gostei do que eu estava lendo, resolvi pesquisar mais sobre.

Cheguei até a conversar com o meu marido sobre isso, mas ele muito “puritano” achava um absurdo tudo aquilo. E eu de um certo modo também… Até que resolvi entrar em um bate-papo de sexo sobre o assunto para ver o que iria encontrar.

Continue lendo Depois de ler 50 tons de cinza…

A Reconciliação

Era um dia bem tranqüilo feriadão …tudo saindo como o esperado e eu e meu marido tínhamos discutido um dia antes e foi uma discussão muito feia mas até que eu estava bem calma e com um tesão que parecia que ia explodir ,me toquei várias vezes ao dia ,só de me imaginar fazendo um boquete chupando uma rola até estalando de tão duro que estaria eu já ficava toda molhada..
Foi chegando a noite meus filhos dormiram cedo ,meu marido chegou .
Ele veio sentou do meu lado me perguntou se eu realmente queria a separação eu afirmei que queria nos conversamos e eu levantei fui para cozinha.

Continue lendo A Reconciliação…

Levei Minha Esposa para a Boate Swing Infinity

Boa noite me chamo Roberto e minha esposa Ivete, uma mulher de 1,66, 72 kg, coxas grossas, bunda media pra grande, silicone, simplesmente uma potranca.
Enfim vou narrar uma de nossas melhores experiencias, depois de muito insitir conseguei convencer minha esposa de irmos a uma boate swing, e a escolha foi a infinity em jaguariuna, minha esposa como gosta de se exibir, colocou um vestidinho preto curto, se produziu toda e fomos.

Continue lendo Levei Minha Esposa para a Boate Swing Infinity…

Uma transa inesquecível

Olá! Sou o Lucas, tenho 25 anos, sou moreno dos olhos castanhos, magro uns 60 Kg, tenho 1,70 de altura… Atualmente estou solteiro. Este conto resolvi escrever há pedido dela. Vamos ao conto?
Conheci Aline em uma rede social (facebook)… Uma baixinha de dar água na boca, pele clara, olhos verde, cabelos castanhos e lisos, bundinha empinada, seios pequenos e uma um rostinho angelical. A princípio houve um pouco de resistência da parte dela, ou ate mesmo cautela, já que não nos conhecíamos pessoalmente. Nada que atrapalhasse, eu gostava do seu jeito mais reservada as vezes grossa, mas sem deixar de ser simpática, extrovertida e é claro bem espontânea.

Continue lendo Uma transa inesquecível…

3 machos em cinema pornô em Curitiba

Na véspera o feriadão do dia 15 de novembro, eu saí mais cedo do trabalho e fui tirar um sarro em um cinema decadente próximo à rodoviária de Curitiba. Gosto deste cinema pois gosto de me masturbar quase pelado ou até mesmo pelado como desta vez.
Eu sou mulato, atura mediana, bom corpo e um cacete de 18 cm e bem grosso que mantenho sempre limpo e depilado. Aliás, depilo o saco até o rabo, deixando tudo lsio pois adoro ser chupado nesta região, deixo até enfiar a língua e o dedo no rabo. O dedo deixo alguns segundos antes de gozar. Como costumo me masturbar por muito tempo, chego mijar pirra na hora da ejaculação.

Continue lendo 3 machos em cinema pornô em Curitiba…