Levei esposa para dar buceta ao pedreiro

Haviam se passado cerca de 15 dias da última foda da minha mulher com o jovem pedreiro na Praia Grande.
Há vários dias ela estava no cio e vivia trocando de calcinha repetidas vezes durante o dia já que sua buceta constantemente vertia lubrificação.
Ela começou a encarar o porteiro do prédio com uma gula enorme e como eu queria evitar dela se envolver ainda mais com este mulato safado, indaguei se tinha algum desejo especial. Ela logo entendeu a minha deixa e confessou que estava num cio constante imaginando-se dando a bucetona para o nosso negão gostoso e rústico.
Decidi levá-la a São Vicente ontem mesmo, apesar do frio e da chuva constante na Baixada.

Continue lendo Levei esposa para dar buceta ao pedreiro…

Era para comer mas fui comido

Sempre tive tesão por travestis desde o primeiro vídeo que assisti. Aquela voz rouca somada àquele jeito único de se comportar e a forma provocante de olhar sempre me deixam de pau duro. Rabo grande, liso, que aguenta a pressão e um pau pra brincar. Resumindo, acho que bonecas desse tipo foram feitas pra gente brincar com carinho e cuidado. Só que é muito difícil de encontrar com uma. Via muito em anúncios de jornal e aquelas descrições rápidas já me deixavam imaginando coisas.

Como trabalhava com prestação de serviços na região centro oeste, resolvi ligar para uma delas longe da minha casa, a que melhor se descrevia e dava indícios de ser passiva, tinha saído com apenas um cara e havia sido passivo, estava afim de provar algo diferente. Quase fiquei suado só na espera da ligação, mas ela não atendeu. Pensei ser um sinal para desistir e fiz isso por um tempo. Mas o tesão, ah o tesão, não dá pra fugir dele. Em outra cidade resolvi insistir com outra gata com as mesmas características. Já telefonei imaginando que ia demorar, só que mal deu o primeiro toque e uma voz bem afeminada me atende, quase tão fina quanto de uma mulher.

Continue lendo Era para comer mas fui comido…

Márcia a casada que virou puta

Era uma noite de sábado e eu estava em casa sem nada pra fazer. De repente recebi uma ligação inesperada de uma ex namorada que há muito tempo não via. Ela começou perguntando como eu estava e o que eu tinha feito durante todo esse tempo que estivemos distante. Eu disse que estava tudo tranquilo é que no momento não fazia nada demais. Foi então que ela me perguntou o que eu estava programando fazer a noite. Eu respondi que não tinha nada em mente, que provavelmente iria dormir cedo. Daí ela me perguntou o que eu achava da gente sair um pouco pra tomar uma cerveja e conversar? Neste momento percebi que ela parecia está carente e sem outras companhias. Porque ela estava casada e a pouco tempo tinha se divorciado. Como eu sei que ela é daquelas mulheres que não conseguem viver sem uma boa

Continue lendo Márcia a casada que virou puta…

Esposa puta na piscina

Bom dia! Eu e minha esposa adoramos nos exibir em lugares públicos e tal, principalmente exibi-la, gostamos de frequentar bares, boates, festas, temos muitos amigos e amigas, estamos sempre nas festas, e as vezes recebemos amigos na nossa casa etc.

ela usa roupas curtas, por vezes sem calcinha….

e dança até o chão etc…

mas hoje vou contar como ela tem atraído a atenção de todos na piscina do clube onde vamos! Continue lendo Esposa puta na piscina…

Encoxada debaixo da chuva ate ele gozar nas minha coxas

Hoje fui encoxada como a muito tempo não era, não que eu não seja encoxada, como sou bem bunduda e loira de pele bronzeada acabo sendo um alvo facil para os tarados de plantão, mas tinha muito tempo que eu não era encoxada até o final tipo até o cara chegar lá e gozar em mim. Nesses dias quentes aqui em Sao Paulo é quase certeza que vai cair chuva forte no meio da tarde e dito e hoje aconteceu a mesma coisa, tipo eu desci no metro São Joaquim e tinha que caminhar até minha casa, mas assim que cruzei o viaduto sobre a 23 o tempo fechou e começou uma baita chuva, como eu tava de vestido todo florido e colorido, daqueles com a alça só em um dos ombros, ele vem até metade da coxa e minhas coxas

Continue lendo Encoxada debaixo da chuva ate ele gozar nas minha coxas…

A vizinha recém casada

Naquela tarde de domingo por volta das 16 horas sentado no sofá com a porta da sala aberta percebo que a vizinha de frente faz sinal para que possa ir falar com ela. Sem excitar fechei a porta e fui até o muro dela para conversar. Ela de imediato disse que se queria fazer algo diferente a três. Achei estranho o rumo da conversa pois fazia pouco tempo que ela estava morando no bairro. Abrindo o portão adentrei o quintal e logo fui para a sala da casa dela. Lá na sala o esposo assistindo a TV ao velo cumprimentei ele e educadamente ele respondeu. Ela uma moça de um metro e sessenta e cinco de altura aproximadamente com o peso de uns 60 quilos e cabelos na altura da cintura com seios pequenos é dona de um corpo lindo. A idade é de 19 aninhos e seu esposo com a idade de 27 anos mantém um relacionamento aberto.

Continue lendo A vizinha recém casada…

A loirinha safada do Atacadão

Quando ela me manda mensagem as 23:00, pode esperar que tem muito tesão envolvido. – “Oiii, tudo bem?”. Ela é casada, tem 2 filhos, e o relacionamento está morno, são iniciantes no mundo liberal. A safada me conheceu no supermercado, me viu a olhando (e babando) para ela. Me aproximei e a cumprimentei, olhando um produto qualquer. Ela retribuiu, com um sorriso e um olhar que conhecia bem… Peguei seu número de celular e logo enviei uma mensagem, perguntando se ela queria tomar um café. Logo disse que era casada e que não podia, pois tinha que ir para casa.
No outro dia, ela me manda mensagem, perguntando se o café ainda estava em pé, logo disse que sim, e combinamos numa conveniência, perto do mercado que havíamos nos encontrado. Ela chegou com um vestido curto, com alça, e uma sandália, cabelos presos e uma cara de tesão que me fez soltar um “puta merda” rápido.

Continue lendo A loirinha safada do Atacadão…