Minha mulher com o amigo gringo

Minha mulher veio toda dengosa pedindo para eu pagar uma ida dela com a comadre e uma amiga da academia para um show de pagode em caldas novas. Todas casadas, mas espertas. A minha nem me convidou, pois sabe que não sou muito chegado em caldas, sendo que ela tem a grana dela mas na hora h veio pra cima de mim. E nesses bailes é um perigo, ninguém é de ninguém, e tem carinha que adora uma casadinha coroa. Essa comadre e a amiga da academia, bem saidinhas, também casada, inventaram de os maridos não irem. E muitos deles aproveitam mesmo para pescar ou ficar num barzinho imaginando os chifres crescendo enquanto azaram as minas. Eu dei uma de durão e resolvi colaborar com uma condição. Eu tenho um amigo gringo noutro bairro aqui de goiânia que adora traçar uma coroinha, de preferência as

Sexo Por Telefone

que pagam as contas. O cara é loirão e pintoso e não passa muito tempo sem comer alguma mulher. E não perdoa nem os amigos. Se sua mulher está contigo ele puxa papo com ela na sua frente e dá um jeito de forçar uma intimidade se valendo da condição de estrangeiro bonitão e as vezes conversa mais com a mulher do que com o marido. Dali a pouco ele tá com o número do celular dela e começa a mandar mensagens de whatsapp picantes na maior cara de pau. Não são poucas que ele come sem a menor cerimônia e sem dar a mínima pros maridos seus amigos. A vantagem é que ninguém entende ele direito e a notícia não espalha muito. Enfim, minha condição era ela sair com o cara e mandar a foto pra mim. Ficou indignada. Fazer o que? Dá ou desce. Como a festa era no final de semana o tempo corria. Ainda falei para ela decidir logo. Aceitou e foi a contragosto, mas deu aquela caprichada na depilação. Liguei para o gringo pedindo para ele quebrar o galho e levar minha mulher para um passeio no shopping, discretamente. O cara não acreditou, perguntou se era sério mesmo, caiu na risada, mas depois disse que eu não me preocupar que ele iria acompanhar ela direitinho. Pedi para ele fazer tudo por baixo dos panos, já que a mulher tava precisando experimentar umas roupas novas. Lembrei para não falar para ninguém. Como ele mora noutro bairro distante, mesmo que fale ninguém liga, pois aqui em goiás tem corno pra tudo que é lado. O cara foi com ela para Aparecida de Goiânia, aqui perto, e ficaram num barzinho discreto, já a noite na escuridão. Depois foram para um dos muitos motéis da região. No quarto o cara tomou logo uma cerva, paga pela minha mulher. Ela também pegou uma e brindaram rindo. Pau duro e o cara meteu pica. Dali a pouco o watsapp começou a pipocar de foto da metelança. Pica dentro, buceta arreganhada, mulher chupando rola, o cara chupando, pica na buceta de novo, sobe e desce, sobe e desce. Nisso chegou um compadre meu em casa pra papear. Outro corno. Perguntou pela mulher e disse que tinha ido na manicure. Ele lembrou da casada que disse ao marido que tinha ido na manicure e foi pro motel e fez piadinha barata. Eu rindo, o watsapp pipocando, e ele rindo. Ficamos tomando uma cerva até que lá pelas oito e meia ela chegou em casa e me deu um beijo na boca rapido. O compadre perguntou se ela ia no show de pagode com a mulher dele, que só deixaria se ela fosse. Ela disse que ia e me pediu logo o dinheiro, depois que eu dei ela riu e disse que nunca tinha ganhado um dinheiro tão fácil. Discretamente dei um beliscão nela. O compadre cara de pau e corno ainda fez piadinha da manicure e minha mulher ficou boiando e riu olhando para mim sem entender. Quando expliquei ela mostrou as unhas pintadas para ele, que não entende nada de unha pintada e disse que tinha ido mesmo na manicure e que a mulher dele devia ir também no salão do gringo. Dei outro beliscão nela e o cara riu sem entender nada, coitado. A noite na cama peguei ela pra uma trepada e a buceta estava gostosa como sempre. Lavou tá novo. Me disse que estava doida pra ir para caldas ir no show de pagade com as amigas e eu lembrei a ela pra tomar cuidados com os carinha papa coroas. Pode deixar, ela disse rindo. Voltaram no domingo de carona cada uma num carro diferente, dizendo ser uber. O cara ainda ajudou a levar a mala e tomou um suco. Gente fina, bom papo. Virou amigo da mulher.

Disk Sexo

2 thoughts on “Minha mulher com o amigo gringo

  1. Eu gostaria de conhecer uma mulher que goste muito de sexo, principalmente de ser chupada por horas , com ou sem a participação de seu marido, se quiser posso comer ele também , serei um amigo de vocês, chupo também seu cuzinho. Meu WhatsApp 21966808086

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *