Trocando de Esposa com o Vizinho

Olá, meu nome é Carlos mas todos me chamam de Cadu, sou casado há 7 anos e nunca traí minha esposa. Minha mulher se chama Dani e é uma mulher incrível, linda e tem um bumbum de dar inveja, mas sempre se comportou nos moldes conservadores e nunca deixou transparecer algum sentimento de traição. Bem, temos uma vida sexual ativa, mas como na vida de todas as pessoas o sexo depois de um tempo começa a ficar monótono, quando percebi que estávamos transando no automático como se fosse uma obrigação e não mais um prazer. Então, busquei me soltar mais e senti vontade de falar algumas sacanagens para minha mulher, chamando ela de safada, vadia, puta e todos esses tipos de palavras e percebi que ela fica louca, que sua buceta ficava bem molhadinha, mas bem molhadinha mesmo que quando colocava meu pau e vazia o movimento vazia um barulho muito alto. Passamos então, toda vez que íamos transar a falar sacanagem, mas isso já não era mais o suficiente, sugeri então que víssemos filmes pornôs e ela topou. Toda vez que olhava eu comentava do sexo que estamos assistindo e dos atores que estávamos vendo, assim, começamos a assistir filmes dos nossos atores preferidos tanto os que ela escolhia quanto eu. Diante disto tudo despertou uma vontade de transar com outras pessoas tipo fazer uma troca de casais mesmo, mas para isso estava sem coragem de falar até mesmo de aceitar minha mulher se relacionando com outro macho, mas essa vontade crescia muito e eu não conseguia tirar da minha cabeça. Então em uma de nossas transa a chamei de corninha e ela ficou exitada, pensei comigo tentar descobrir se ela também tinha algum fetiche, mas não consegui tirar essa informação naquele momento. Tivemos outras noites bem calientes até que uma noite estávamos bem doidos e resolvi falar muita sacanagem até que ela me confessou que tinha um tesão por um cara casado que eu conhecia, fiquei louco e falei vários nomes mas não era nenhum que eu imaginava. Na verdade temos um casal de vizinhos que são bem atraentes eu como todos aqui do bairro sempre cuidamos a esposa dele, porque ela é daquelas mulheres que adoram aparecer e de se sentir gostosa, de colocar aqueles vestidinhos bem curtinhos e sair rebolando e obrigando a todos os vizinhos irem até o portão para olhar. Mas voltando, aproveitei que ela me falou e disse que também tinha uma tara por uma mulher e que ela conhecia, minha mulher colocou a condição de falar somente depois de eu falar e como eu estava curioso e com muito tesão falei que era a vizinha, ela me deu uns tapas mas uns tapas de safada e disse que o macho que ela imaginava era o marido dessa mesma vizinha. Terminamos a transar com muito tesão e depois de gozar ficamos com vergonha um do outro. Mas tudo isso não saia da nossa cabeça, em nossas transas falamos, citávamos os nomes e inventávamos situações de trocas em motéis, imaginávamos cenas dela na banheira com o vizinho e eu na cama com a vizinha gostosa, até que um dia aconteceu algo inesperado, talvez de tanto pensar nisso acabou atraindo. Bem, o vizinho e sua mulher citados, sempre falavam com a gente, pois os conhecemos ao bom tempo desde que eram namorados e ele sempre morou no mesmo lugar desde que eu me mudei para lá, porém naquele dia foi diferente, porque ele venho pedir um auxilio para comprar um carro do mesmo modelo do meu, venho saber mais informações do mesmo. Falamos e me dispus a ajudá-lo e a ir com ele escolher em uma concessionária ou revenda. Passou alguns dias e no sábado da mesma semana ele venho e perguntou se poderíamos ir na revenda, prontamente disse que sim, então combinamos um horário e peguei meu carro e fomos. Na revenda olhamos todos os carros, com itens , o preço, KM, tudo que se pode verificar e no final comprou um carro bem bacana e de bom preço. Voltamos, eu no meu carro e ele no carro novo, paramos na frente da minha casa e ele agradeceu e convidou para jantar na sua casa no mesmo dia como gesto de agradecimento. Em casa conversei com minha mulher e contei o acontecido e ela ficou toda boba e me chamou de corninho e ficamos com tesão e transamos bem gostoso. Chegando a noite fomos a pé mesmo, porque a casa do vizinho fica uns 50 metros da minha casa, eu estava de camiseta, bermuda e chinelo, minha esposa estava de vestidinho e sandália, a vizinha estava de shorts e tomara que caia, o vizinho esta com bermuda camiseta e chinelo. Na verdade estávamos bem à vontade, levei uma garrafa de vodka para depois fazer uma caipirinha. Batemos um bom papo e jantamos uma comida deliciosa, depois tomamos umas caipirinhas e começamos trocar idéias e falar de tudo um pouco, e assim foi avançando a noite e nosso papo começou a esquentar quando as mulheres começaram a falar das manias dos maridos e seus defeitos, e nos também falando das mesmas coisas e retrucando e contando das nossas vidas, desejos, situação engraçadas e picantes. Papo vai papo vem até que a vizinha pegou minha mão e colocou na sua coxa grossa mostrando o inchado que o marido vez brincando na cama com ela, quando coloquei a mão na hora meu pau ficou duro e percebi que o vizinho viu a cara que eu fiz, minha mulher safada também não quis deixar barato e contou uma história e usou o vizinho para simular a cena e rosou sua bunda no pau dele. Ficamos meio estranhos, então a vizinha chamou minha esposa para ir até a cozinha para ajudar a pegar a sobremesa, minha esposa ficou juntando os potes e talheres e a vizinha voltou para a sala com a sobremesa, nisto o vizinho foi até a cozinha oferecer ajuda e chegando lá fez que iria passar por traz da minha mulher e rosou seu pau na sua bunda segurando sua cintura, minha mulher imediatamente levou um susto e perguntou o que estava acontecendo e o vizinho já de pau duro quase saindo da bermuda falou que estava com um tesão e que queria come-la todinha, ela falou,meu marido esta ali na sala ele vai ficar furioso, então ele falou que achava que não pois a vizinha já estava cuidando de tudo. Minha mulher entendeu tudo e começou a beijá-lo, a chupá-lo e nisso foram para sala e eu já estava recebendo um boquete bem gostoso da vizinha que já estava sem a sua blusa com os peitões de fora. Minha mulher vendo isso vez um boquete no vizinho e começou a transar entregando sua bucetinha para ele, eu da mesma forma comia a vizinha e em plena sala um na frente do outro , e ficamos assim transando com as esposas trocadas. Gozamos, comemos a sobremesa, ficamos com cara espantada e fomos embora. Chegando em casa transamos de novo com sua buceta cheia de porra e comentando da experiência excitante que vivenciamos. Depois deste dia, passou um tempo sem falarmos com os vizinhos, até que eu fui até a sua casa conversar e perguntar se estava tudo bem, ele me disse que sim só que estava com vergonha mas que não conseguia tirar aquela noite da cabeça, resolvemos tudo e marcamos uma janta só que na minha casa. Fizemos o mesmo feito varias vezes até hoje.

Sexo Por Telefone
Disk Sexo

3 thoughts on “Trocando de Esposa com o Vizinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *