Trai meu marido com um garotinho

Esta história aconteceu há uns dois anos atrás, meu nome é S. e estou casada há uns 10 anos, tenho 26, um corpinho de menininha, magrinha mas com tudo em perfeita harmonia, isso mesmo corpinho de modelo, boquinha deliciosa, mas vamos aos fatos: Estava numa festa num clube da minha cidade, festa de reveilon, meu marido estava de plantão no serviço, ele estava irritado por estar trabalhando mas me aconselhou a ir na festa com alguns amigos, a festa estava ótima, 3 bandas tocando forró, axé e rock, além de uma boate de tenda, muito legal, não sou de beber, gosto muito de dançar, não estava com intenção nenhuma de aprontar nada, até porque sou fiel ao meu amado, mas durante a festa meus amigos me fizeram uma ices de vodca e eu acabei ficando meio mole, num dado momento uma colega muito da assanhada chamou minha atenção pra um garotinho que estava ali perto, um bem gatinho sem barriga nenhuma, cabelinho espetado, tipo viciado em academia, mas o que chamou a atenção dela era o volume que ele tinha na calça, o safado estava ereto com o pênis bem definido na calça, estava virado pro lado, confesso que na hora senti um frio, ou calor se lá, mas fiquei pensando “que cara sem vergonha, será que ninguém tá vendo isso além de nós?”, e o pior que quando dei por mim minha colega falou “gostou hein”, aí que percebi que estava há muito olhando pra ele, não sei se ele percebeu, mas tirei o rosto e disse “que nada, vou dançar”, quando cheguei na pista procurando alguém, adivinha que me chama pra dançar, ele mesmo, de início eu disse que não mas diante da insistência dele acabei aceitando e não é que o danado manda ver na dança, fiquei sabendo que ele tinha 16 anos, além de tudo não pude deixar de perceber que ele estava o tempo todo roçando aquela madeira duríssima minha perna e volta e meia dava um giro e colocava bem no meio de minha bunda, fui nas nuvens, mas como é uma cidade pequena, saí fora pra não dá na cara. Lá pras 3 da madruga, o pessoal tava indo embora e eu estava de moto, já não quase ninguém no clube, quando peguei a avenida pra ir embora, quem estava indo a pé, sozinho? Pensei comigo, “aí já é sacanagem”, não sei o que deu em mim, mas quando percebi já estava oferecendo carona e o safado aceitou, como estava sem capacete passamos por umas ruas mais desertas pra evitar a policia, ele encostava em mim e eu pensei “quem tá na chuva é pra se molhar”, empinei a bunda pra trás e ele correspondeu colocando aquele mastro bem no meio de minha bunda, molhei toda, parei a moto numa rua qualquer sem movimento, desci, ele já veio me beijando, e beijou muito mesmo, eu estava com um vestidinho bem leve que só serviu pra ele num lance me virar de costa, colocou minhas mãos na moto e começou a cheirar meu traseiro, lambendo minha bunda, beijando, passou a língua na minha xana que já tava derretendo, chupou minha xana como se fosse um manjar dos deuses, dava leves mordidas na minha bunda, beijava meu cuzinho, e cheirava sempre, dizendo que era cheiro de cabrita, eu que já não agüentava de tesão, me virei, peguei ele, desci e abri o zíper da calça dele, quando abaixei fiquei pasma, como um cara magrinho podia ter uma rola tão enorme, dava duas do meu marido em tamanho e grossura, a cabeça era linda, falei “menino, vc devia ser preso por andar com uma arma tão perigosa”, comecei a lamber aquele colosso, axei que não ia caber na minha boca, mas fui colocando até onde pude, cheguei a engasgar e babar no pau dele todo, mas faltou ainda uns 4 dedos pra entrar tudo, lambi o saco dele, e chupei, minha decepção foi só quando ele disse que não tinha camisinha, então disse que só ia chupar mesmo, ele disse que não tinha problema, e eu fiquei quase uma hora chupando aquela delícia, ele socou e minha boca como um louco, eu me masturbava, estava tão enxarcada que ouvia o barulho dos meus dedos na xana, xoc, xoc, xoc, ele gozou como um louco, dava uivos de tesão, eu não deixei cair nem uma gota da porra dele que era bem xeirosa. Depois desse dia nunca mais vi, nem sei o nome dele… Mas sempre me lembro de meu gatinho… se o encontrar de novo, já estou com a camisinha…

LibidGel

7 thoughts on “Trai meu marido com um garotinho

  1. Adorei também adoro gosar em mulher casada já comi várias quando adolescente hoje já estou com cinquenta e três anos casado a mais de trinta mas ainda como algumas principalmente as mais novas gostao de homens safados e com uma certa experiência mas não tenho preconceito de idade só tem que ser safadas bjs a todas as casadas [email protected]

  2. Eu quero um novinho de qualquer idade pra comer minha mulher esse e5 meu sonho não precisa ser bonito só tendo uma pica bem gostosa,Quero ver ela dando a bucetinha para um novinho

  3. Eu quero um novinho de qualquer idade pra comer minha mulher esse e5 meu sonho não precisa ser bonito só tendo uma pica bem gostosa,Quero ver ela dando a bucetinha para um novinho,manda video da pica batendo punheta no meu zap 81 9 96132968

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *