Sexo no Cinema

Bom… Essa história aconteceu cmg a algum tempo atrás… Eu é minha namorada fomos ao cinema, e foi onde aconteceu uma das melhores transas da minha vida.
Era uma segunda feira normal, havíamos combinado de ir ao cinema assistir 50 Tons de Liberdade, acabei me atrasando ao sair do trabalho e fui correndo ao encontro dela que já me esperava no cinema. Toda linda com sua sainha resinada, uma blusinha básica branca e toda cheirosa, ela é muito gata não é pq é minha namorada não, pense numa morena, olhos verdes, sorriso encantador, com os seios que enchem a sua mão e te deixam com água na boca na minha opinião o mais

Sexo Por Telefone

bonito que já vi, uma bunda que tem aonde vc pegar e ótima para dar uns tapas, aquela bucetinha pequena, lisinha e cheirosa. Voltando ao assunto compramos os ingressos e como já estávamos em cima da hora corremos pra sala, ao chegar lá vimos da sala vazia, completamente vazia. Ela até brincou cmg perguntando se eu havia comprado todos os ingressos para poder aprontar no cinema.
O filme começou… ela deitada no meu peito, eu fazendo carinho em seu braço, entre uma cena e outra quente no filme eu olhava em volta para ver se não tinha nenhum funcionário ou ninguém por perto, não podia deixar passar aquela oportunidade. Foi então que comecei a fazer uns carinhos na perna dela é com isso subindo sua saia aos poucos, até que pude sentir sua calcinha, fiquei ali nas perna dela até que começasse outra cena quente no filme, e pra minha sorte não demorou muito. Comecei a acariciar sua bucetinha por cima da calcinha bem devagar, não demorou para que eu sentisse sua calcinha ficar toda molhada, fiz um pouco mais de pressão e puder sentir sua mão subindo pelas minhas pernas até pegar no meu pau, que nesse momento já estava bem duro. Puxei sua calcinha de lado, molhei meus dedos em sua boca e comecei a toca-la ali massageava seu clitóris, deixava o dedo escorregar até a entradinha de sua buceta, enquanto ela apertava meu pau e se contorcia de prazer… achei que ficaríamos ali naquela masturbação até o momento que eu escuto “vai safado me chupa logo” não pensei duas vezes me abaixei tirando sua calcinha e comecei a beijar sua virilha, passava a língua bem de leve em sua bucetinha, provocando ainda mais.. ela puxava meus cabelos, virava os olhos, dava para perceber o quanto ela estava excitada. Comecei a chupar com vontade, beijava os lábios, passava a língua pelo clitóris massageando bem gostoso, enquanto introduzia um dedo naquela buceta que a essa altura estava bem melada e muito gostosa de se chupar. Fui aumentando a intensidade e a velocidade na qual a chupava até ela gozar na minha boca, ela não se conteve e gemeu bem alto, sem se preocupar aonde estávamos ou se tinha entrado alguém. Sentei na cadeira, baixei as minhas calças e puxei ela pra cima de mim, ela sentou com vontade, de frente para a tela e deixando aquela bunda gostosa de frente pra mim, começou a rebolar e quicar bem devagar e aumentando o ritmo, eu nesse momento soltei seu sutiã e peguei naqueles seios quentes, ela virou de frente ainda rebolando, levantei sua blusa e chupei ferozmente como se fosse um animal e ela minha presa, com uma das mãos eu apertava o outro seio, ela gemia alto, uivava como se tivesse se esquecido aonde estavamos, sem se preocupar com mais nada… A coloquei de 4 apoiada na cadeira da frente, a essa altura eu estava sem blusa, com as calças arriadas até o joelho, ela com a saia na cintura, a blusa acima dos peitos, começamos já em um ritmo frenético, metia com vontade, ela estava super molhada, meu pau deslizava com facilidade, ela me olhava com cara de safada e pedia pra meter, pedia para fuder ela bem gostoso, aumentando ainda mais o tesão, dei um tapa bem gostoso naquela bunda, não me aguentei e gozei gostoso enchendo sua bucetinha… sentamos cada um em sua cadeira, ela de pernas bambas e eu extasiado. Nem terminamos de assistir ao filme, fomos direto pra casa aonde passamos a noite toda fazendo mto sexo. Nunca mais conseguimos uma outra sala de cinema vazia para repetir a dose.

Disk Sexo

One thought on “Sexo no Cinema

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *