Primeira e única experiência gay

Olá, meu nome é Robinson e vou contar uma experiência estranha que me aconteceu esse fim de semana. Tenho um tio que está preso, há mais ou menos uns 5 anos e nesse fds conseguiu sua primeira oportunidade de sair no feriado. Minha mãe ofereceu pra ele dormir uma noite em casa, no meu quarto, eu um colchão no chão. Até aí tudo bem, mas meus pais chegariam tarde da noite e até lá eu faria companhia ao meu tio. Jantamos e ele me contava que precisaria arrumar uma mulher nesses dias, pq estava na seca, nem punheta ele tinha como bater na cadeia. E eu que nunca tive nenhum pensamento gay comecei a sentir algo estranho de ver ele falar assim. Imaginei o como ele comeria a mulher com vontade. Disse a ele pra ficar a vontade e que eu iria tomar um banho, e no banho comecei a imaginar muitas coisas, pensei em o provocar pra ver o quanto era verdade aquela vontade toda.

Sexo Por Telefone


Saí do banho e ele ainda estava sentado na cozinha que dá de frente para o meu quarto, entrei no quarto enrolado na toalha e não fechei a porta, tirei a toalha e fingi mexer em umas roupas na cama, nú e com a bunda bem virada de frente para ele na cozinha. Pelo olhar dele eu imaginava o quanto de tesão ele estava sentindo. Enfim guardei as roupas e deitei pelado mesmo e me cobri com o lençol, disse a ele que poderia deitar quando quisesse mas eu não aguentaria mais ficar acordado, falei, mentindo, que se precisasse de alguma coisa poderia me chamar mas que me chacoalhasse muito pois tenho o sono muito forte e que não acordaria nem com alguém deitado em cima de mim. Deixei a luz acesa, virei de bruços e fingi estar dormindo, com os olhos quase que fechados eu tentava enxergar se ele entrava no quarto, ainda de bruços fiz um movimento propositalmente que me descobriu e deixou minha bunda à mostra, qd de repente veio ele. Pois a mão nas minhas costas, talvez pra conferir se eu estava mesmo dormindo, e eu não me movi. Ele pôs a mão suavemente na minha bunda, aquilo me deu um tesão, e ele começou a alisar minha bunda, passava os dedos com cuidado e eu não me mexia, percebi que ele tirou a mão e veio pra perto do meu rosto, ele abriu o zíper e tirou pra fora o pau, duro feito rocha e todo melado já de tesão, encostou o pau na minha boca. Aquilo me fez molhar a cama, eu passava a língua na cabeça do pau dele, como se estivesse tentando me livrar, pra ele não perceber que eu estava acordado, e assim ficou uns dez minutos. Foi quando fiz um movimento, deixando a bunda bem no canto da cama e encolhendo uma das pernas, ele não aguentou, tirou o pau da minha boca e foi na minha bunda, deu um beijo nela, correu a língua no meu cu, aquilo eu tremia de tesão. Foi quando devagarinho ele começou a deslizar o pau na minha bunda, passva pra cim e pra baixo, sentia o melado no meu cu, ele esfregava e foi forçando bem devagar, aquilo eu tentava não me mexer, e sentia aquela rola prestes a arrebentar minhas pregas, tremendo de tesão, e foi forçando, forçando até que entrou a cabeça, senti dor mas não me movi, ele parou e deu uma olhada no meu rosto para se certificar que eu não havia acordado. Como não me movi, ele foi enfiando devagar, e eu sentindo aquilo entrando devagar até que encostou as bolas na minha bunda, aí começou a tirar, a sensação de dor foi virando uma sensação boa, de tesão, não tirou tudo e começou a empurrar de novo, como não me movi ele começou a aumentar a velocidade, e em pouco tempo já estava me fodendo rápido, eu queria gritar de tesão, mas me segurava, e ele cada vez mais rápido, até que senti ele gozando muito dentro do meu cu, ele chegou a tremer também, senti a porra escorrendo pelo meio das minhas pernas, quente, e ele ainda não acreditando que tinha feito aquilo, pegou um pedaço de papel higiênico no banheiro e começou a me limpar, deitou e durmiu ao meu lado. No outro dia acordei como se nada tivesse acontecido, percebi um pouco de medo nele, mas não tocou no assunto, eu senti muita dor no dia seguinte, mas lembrava com muito tesão. E ele foi embora e eu continuo sentindo tesão apenas por mulheres, ainda não consigo explicar a mim mesmo o que aconteceu aquela noite que me fez agir assim.

Disk Sexo

9 thoughts on “Primeira e única experiência gay

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *