Gostinho de Quero Mais!

Um belo dia meu marido e eu fomos pra uma resenha em Rocha Miranda, chegando lá fiquei toda animada por ter música ao vivo e negoes interessantes também.
Confesso que o que me animou em ir nessa resenha foi justamente o fato de saber que a aniversariante, a quem vou apelidar de Sra C, namorava um negão que já havia me interessado anteriormente, mas que não havia rolado nada pois meu marido não havia se interessado pela ex dele e também me animei por saber que a Sra C e meu marido tinha um negão surpresa pra me apresentar.
A festa estava ótima, música boa rolando, churrasco e pessoas interessantes até que chegou um negão de parar o trânsito, meu marido ria e brincava comigo pois percebeu que fiquei vidrada e meu marido desconfiou que esse fosse o negão surpresa.

Sexo Por Telefone


Olhares começaram a rolar, sorrisos e quando eu pensei que iria ficar só nisso a aniversariante comentou comigo sobre o negão conhecido como Gil, não satisfeita tratou de me apresentar a ele e ele muito educado e simpático comigo.
Continuei com o meu marido dançando, conhecendo o pessoal, até que meu marido teve que ir na farmácia comprar mais camisinha e eu continuei ali dançando.
Mas havia o namorado da aniversariante apelidado por mim de Sr AS que também me interessava, porém ele estava ocupado atendendo a todos e parecia ser sério, então me conformei que com ele não iria rolar nada e foquei no outro.
O Gil comecou a puxar assunto, brincar, elogiar, até que me puxou pra dançar e foi um momento mágico. Cada vez minha vontade por ele aumentava mais.
Até que ele me fez a proposta e pedi pra que esperasse meu marido voltar da farmácia.
Eu estava extasiada pois além de lindo, o cara tinha um jeito sedutor e teve atitude de chegar em mim e soube como chegar.
Finalmente meu marido chegou da farmácia e ele novamente me chamou pra interagir, avisei ao meu marido e assim fomos.
Depois que cuidei da minha higiene começou a rolar as carícias, os beijos, a voz sedutora dele me encantava, mas pra meu desprazer ele não estava com camisinha e por isso não conseguimos interagir do jeito que eu queria e enquanto estávamos ali naquele chove e não molha, apareceu alguns interessados em mim, mas eu recusei, até que para minha surpresa o Sr AS chegou e o Gil me perguntou se ele poderia participar também, nem acreditei que ele estava me perguntando isso e não exitei em dizer que sim… então o Sr AS se aproximou e começou a me beijar, beijos suaves e doces que me envolveram rapidamente. Desci até a pica dele deliciosa e mamei com vontade e desejo, ele por sua vez chupou minha PPK de uma maneira deliciosa também, ele colocou a camisinha e não demorou muito pra eu sentir todo aquele membro dentro de mim, mas não estava totalmente a vontade pois tínhamos platéia e mais uma vez pra meu desprazer tivemos que parar pra ele atender alguém que tinha passado mal e tinham que buscar no hospital. Mas já estava satisfeita só de interagido com os dois que me interessavam, em especial com o Sr AS.
Voltei para a parte de fora pra curtir a música e tal e depois de um certo tempo comecei a me preocupar com o horário e meu marido foi se informar com a Sra C como voltaríamos pra casa pois após a resenha tínhamos marcado um encontro com um casal que desmarcou em cima da hora.
Então o Sr AS nos convidou pra ir dormir na sua casa e fomos, meu marido, eu, a Sra C e o Sr AS.
Chegando lá eles preparam tudo pra nos deitarmos, iriamos dormir os quatro no mesmo quarto e no mesmo colchão.
Foi ai que a brincadeira começou.
Sr AS interagindo comigo e meu marido com a Sra C.
A interação estava pra lá de boa, a afinidade entre mim e o Sr AS só aumentou pois ele gostava de interagir da mesma forma que eu, romântico, cheio de carícias, muito beijo na boca, com direito a preliminares e tudo, mas o Sr AS interagia conversando com a Sra C, o que me incomodou um pouco, mas não falei nada pois a casa era dele, então as regras também, aoesar de ele querer que eu gozasse e dessa forma seria impossível.
Mas na nossa primeira pausa Sra C veio conversar comigo sobre o que achei e fui sincera: Amei, mas tenho dificuldade de gozar e ele queria muito que eu gozasse, mas como não senti ele totalmente entregue a mim também não consegui me entregar.
Na segunda interação eu interagi com o meu marido mesmo e Sr AS com a Sra C e nós quatro tivemos orgasmos no mesmo momento, foi mágico isso!
Depois de trocas, destrocas e muita brincadeira meu marido dormiu e eu fiquei deitada assistindo Sr AS e Sra C brincando, era excitante rsrs…
Até que um dado momento da brincadeira Sr AS começou a me apalpar, passar a mão na minha ppk enquanto brincava com a Sra C, eu não acreditei que aquilo estava acontecendo, era muito excitante, uma sensação diferente percorria pelo meu corpo até que ele começou a me chupar enquanto transava com ela, logo fiquei molhada e em êxtase, mas meu marido me puxou para seus braços e parei de participar da brincadeira, já era de madrugada quando isso aconteceu.
No dia seguinte acordei mega cansada, fui ao banheiro tomar banho e escovar os dentes, bateram na porta e como era o Sr AS atendi e deixei entrar pois procurava algo e ele veio me falar que não era pra eu desconfiar de forma nenhuma que ele não estava interessado em mim, que eu era linda e interessante e que não era pra me subestimar, eu concordei e imediatamente ele começou a me beijar com um desejo ardente por mim que não tinha sentido no início, ele me pegou e me colocou em cima da pia do banheiro, abriu minhas pernas e roçava a sua pica em mim e eu a sentia latejando, meu corpo foi arrepiando todo e comecei a sentir uma sensação indescritível, uma mistura de prazer com medo.
Ele me pediu pra penetrar, mas não permitir, mas a coisa foi esquentando de uma tal maneira que quando fomos ver ele havia penetrado gostoso na minha ppkinha sem usar camisinha, foi uma loucura, mais foi mais forte que nós.
Nesse momento tive a certeza de que ele me desejava mais do que eu imaginava, logo depois saímos do banheiro e depois disso toda vez que nos esbarravamos pela casa ele aproveitava a oportunidade e me agarrava, me beijava ou passava a mão em mim e me instigava ainda mais…
Almoçamos, conversamos e quando íamos para o quarto Sr AS pediu pra que interagissemos na sala, pedi ao meu marido e ele liberou. E Sr AS comentou que a Sra C havia comentado com ele o meu pequeno incômodo sobre o primeiro momento de interação o que por sinal foi uma surpresa pra mim ele saber…
E ele se justificou dizendo que gosta de interagir no mesmo ambiente, tem prazer em ver outro homem pegando a mulher dele, que dá tesão e tal e quando eu tentei falar ele disse que estava sim com muito tesão em mim no momento da interação, que eu era linda e tal e eu disse que poderíamos interagir no mesmo ambiente sem problemas nenhum e que a casa era dele, ele quem decidia e ele disse que não, que interagiriamos na sala e que queria me dar prazer.
Indagou se eu tinha realmente alguma dúvida depois do que rolou no banheiro e disse que me mostraria o quanto me desejava caso eu ainda tivesse dúvida, colocamos uma música ambiente e começamos a nos beijar ardentemente…
Meu corpo começou a arrepiar novamente, o desejo aumentou, mas ele queria novamente fazer a mesma loucura do banheiro e eu recusei.
Então ficamos namorando, ele roçando em mim, nossos corpos entrelaçando, eu estava em ponto de bala e não via a hora de ser possuída por aquele homem e ele novamente penetrou em mim sem camisinha dizendo que era pra eu confiar nele e eu só dizia que tudo aquilo era uma loucura, que tínhamos que parar com isso, mas eu não queria parar e muito menos ele e deixamos o desejo falar mais alto.
Transamos num sofá, depois no outro, no chão, ele tremia de prazer, era um sexo romântico com muitos beijos na boca do jeito que eu gosto que me enlouquecia de prazer.
Ele tirou antes de gozar, ficamos ali abraçados por um tempinho até que nos recompomos, meu marido e Sra C também tinham terminado de interagir, lanchamos, tomamos banho, nos despedimos e meu marido e eu fomos embora.

Disk Sexo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *