Conto Erótico – Primeiro Encontro

Oi, meu nome é Bruna, tenho 21 aninhos, carinha de anjo mais muito safada, morena, tenho 1,58, baixinha, porém muito gostosa, cinturinha fina, seios médios e uma bunda grande, cabelos pretos e longos. Esse é o meu primeiro conto erótico, sempre me interessei bastante em ler sobre isso, e agora resolvi contar.. Um pouquinho nervosa mais vamos lá.

Sexo Por Telefone

Conheci um boyzinho no tinder, muito bonito, moreno, com barba, fortinho, e super alto, como eu gosto, e tinha muita cara de safado (ADORO rs ), começamos a conversar, dei meu whats para ele, e no mesmo dia ele queria me encontrar, mas dei uma desculpa e marquei no dia seguinte, como estamos em plena quarentena, não temos muitas opções para o primeiro encontro não é mesmo? então ele me convidou para ir a casa dele, disse que tinha bebidas, e que ele iria fazer um churrasquinho para a gente, eu fiquei receosa por um momento, mas como essa quarentena tá mexendo muito comigo, estou ficando muito tempo sozinha e a carência aumenta a cada dia, resolvi aceitar o convite. Mandei a minha localização e ele veio me pegar aqui em casa, logo que entrei no carro ele falou sobre meu perfume que era muito bom, e eu abrir um sorriso enorme rs, nos cumprimentamos, e fomos conversando no caminho, eu fiquei um pouco tímida no começo, mais depois fui me soltando rs, e enfim chegamos na casa dele, entrei, fui logo para a varanda, fiquei admirando a lua que estava muito linda, ele me ofereceu uma bebida, colocou na live de xandy aviões e continuamos a conversar, um certo momento a mãe dele acabou aparecendo, nos cumprimentamos, ela foi para o quarto dela, bebemos muito, demos alguns virotinhos para ficar divertido, e eu comecei a sentir muito tesão por ele a cada momento, não conseguia parar de olhar para a boca dele, e nos beijamos, o beijo encaixou certinho, era muito gostoso, a bebida me deixou mais solta, e quando eu bebo fico mais safada ainda.

Ele estava sentado, acabei subindo em cima dele, fiquei sentada no colo dele, e ali as coisas ficaram mais intensas, ele começou a passar a mão pelo meu corpo (esse dia eu estava com uma blusinha que valoriza bastante os meus seios e um shortinho), eu estava ficando muito molhadinha, estava muito excitada, e ele também.. Comecei a pegar no pau dele, ele puxou minha blusa para o lado e começou a chupar os meus seios, depois voltou a me beijar, começou a morder minha boca, meu pescoço, eu naquele momento já estava louquinha para dar pra ele, ainda estávamos na varanda, com a luz acesa, correndo o risco de pegarem a gente no flagra a qualquer momento, e isso esquentou ainda mais as coisas. Teve um momento que não estava aguentando mais de tesão, cheguei perto do ouvidinho dele e falei.. Eu quero que você me coma aqui, agora! Quando falei isso ele ficou doido, enfiou a mão dentro do meu short, colocou minha calcinha de ladinho, viu que eu estava muito molhada, olhou pra mim e deu aquele sorriso safado, foi logo tirando meu short, e começou a meter em mim ali mesmo, comecei a gemer baixinho no ouvido dele, mas ele socava na minha bucetinha apertadinha cada vez mais forte, e eu comecei a gemer cada vez mais alto.

Sentia o pau dele latejando na minha bucetinha, era tão grande e grosso, me deixou nas nuvens rs, comecei a rebolar naquele pau gostoso, sentava devagarinho, e depois comecei a kikar cada vez mais rápido, deixando ele louco de tesão.

Logo depois fomos para o sofá, ele mandou eu ficar de 4 (Ps: eu adoro ser submissa, e receber ordens), eu fiquei toda empinadinha, ele começou a chupar minha bucetinha, nessa hora eu estava me contorcendo de tanto prazer, ele começou a enfiar a cabecinha, era tão grossa e gostosa, e eu falei quero esse pau todo dentro de mim, ele disse seu pedido é uma ordem sua cachorra gostosa, e enfiou aquele pau enorme na minha bucetinha, eu gemia cada vez mais alto, ele me batia muito, deixava minha bundinha cada vez mais vermelhinha, do jeitinho que eu gosto, ele me comeu com tanta vontade que eu gozei no pau dele todo, e ele continuava metendo, me batendo, falando que eu era a putinha dele, que aquele pau era todinho meu, e eu falava.. Continua metendo bem forte na sua putinha safada, depois trocamos de posição, ele ficou de frente pra mim, e eu de joelhos, comecei a chupar aquele pau gostoso, colocando tudo na boca, olhando pra ele a todo momento, com aquela carinha de safada, depois ele me jogou no sofá, ficou por cima de mim, e começou a meter bem forte na minha bucetinha, segurando meus peitos e começou a chupa-los, eu não conseguia parar de gemer, até que então ele viu que iria gozar, falou fica de joelhos minha putinha, e abre essa boca gostosa que eu vou te dar muito leitinho agora, e como o pedido dele era uma ordem rs, fiquei olhando pra ele, pegando nos meus peitinhos gostosos, e falei: dá muito leitinho pra sua gatinha, e ele gozou na minha boquinha, e eu engolir tudinho.

Um tempo depois eu falei para ele que precisava ir para casa, como ele tinha bebido, ele pediu um uber para mim, faltava pouco para chegar então resolvemos descer e ficamos esperando lá na portaria, o porteiro estava lá em um salinha, ao nosso lado, demos boa noite, o uber acabou demorando um pouco, ele sentou lá ne um mármore, colocou o braço envolta da minha cintura, foi descendo a mão para a minha bunda, enfiou a mão dentro do meu short, colocou minha calcinha de ladinho e começou a me tocar ali mesmo, enfiando o dedo na minha bucetinha que já estava toda molhadinha de novo, eu comecei a gemer bem baixinho só para ele escutar, e tentava não chamar atenção para o porteiro não pegar a gente no flagra, mais confesso que estava cada vez mais difícil, quando eu começava a gemer um pouco alto ele parava um pouco, depois voltava, e eu delirando cada vez mais, mordendo meus lábios e olhando para ele, ficamos assim até o uber chegar, uns 3 minutos depois o uber chegou e nos despedimos com um beijo.

Espero que tenham gostado, até a próxima 🙂

Disk Sexo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *