Transando gostoso com o meu cunhado

Eu me chamo Jú, adoro contos eróticos, por isso quis compartilhar com vocês algo que aconteceu comigo ano passado pela primeira vez.

Sexo Por Telefone

Tenho uma irmã mais velha, eu tenho 23, ela tem 28 e é casada com o Roger, um cara mais velho bem gostoso. Ele tem os cabelos grisalhos, mas tem um corpão malhado, ele é viciado em academia, uma delícia de macho. Sempre fui doida por ele mas nunca tive coragem de sacaner minha irmã.

Um dia deu ruim, meu cunhado fez um churrasco na casa de praia dos meus pais, encheu a cara e ficou mais carinhoso comigo, me abraçando, beijando, me elogiando. Ninguém via com maldade, porque ele era sempre carinhoso com todo mundo, mas dessa vez foi diferente.

Quando ficamos sozinhos, ele disse:
– Cunhada, você tá tão gostosa hoje, eu te comeria bem fácil, essa sua bunda nesse shortinho, tá uma delícia, me deixou de pau duro.

Fiquei chocada com a cara de pau, mas isso me deu tesão, fingi que não gostei, dei uma bronca nele e depois saí dali com a calcinha ensopada de tesão. Subi, tomei um banho pra ir na praia que ficava em frente a casa dos meus pais e quando fui me lavar, notei que minha bucetinha tava bem molhada, minha calcinha ensopada.

Toquei uma siririca bem gostosa pensando no meu cunhado, depilei minha bucetinha e coloquei um biquíni colorido de redinha. Fiquei bem gostosa, modéstia a parte. Tenho 1,68 de altura, 57 quilos, bunda média empinadinha, seios durinhos e grandes e uma barriguinha bem chapada.

Coloquei meu biquíni, atravessei a rua e fui tomar um sol na praia. Meu cunhadinho disse que ia me acompanhar e fomos na praia. Ele perguntou se eu queria que passasse bronzeador em mim, enquanto tava com uma lata de cerveja na mão.

Eu aceitei, a praia tava vazia, ele começou a me acariciar, fiquei excitada novamente e vi que seu pau tava bem duro na sunga branca. Ele me chamou pra entrar no mar com ele, eu fui e lá ele começou a passar a mão em mim.

Fiquei doida de tesão, senti os dedos dele brincando com meu grelinho, comecei a tremer de tesão e gemi gostoso quando senti os dedos dele me penetrarem bem gostoso, fazendo um movimento de vai e vem delicioso que me fez apertar os dedos dele com as paredes da minha vagina.

Eu segurei seu pau por cima da sunga e comecei uma punheta discreta, mas logo ele enfiou minha mão dentro, me fez agarrar seu cacete gostoso duro feito pedra e punhetar gostoso, eu adorei, minha buceta tava doendo de tanta vontade de foder.

Ele me puxou de costas, me mandou ir sentando em seu colinho e comecei a sentir ele encaixar o pau em mim, aí comecei a quicar na sua pica, eu nunca tinha trepadado dentro d´água, foi uma experiência deliciosa.

Ele me virou de frente, abriu minhas pernas e meteu o pau de novo, comecei a sentar, subir e descer naquela pica gostosa que preenchia toda a minha buceta, eu sentia como se fosse rasgar, de tão grossa.

Logo ele me chamou pra dar uma volta, fomos andando e quando ficamos bem afastados, a gente começou a trepar na areia, eu com as pernas bem abertas, arreganhada, e meu cunhado gostoso por cima.

-Ai cunhada, que delícia de bucetinha que você tem, toda molhada, queria tanto foder ela todo dia. Abre as perninhas pra o seu homem.

Eu abri mais as pernas, ele começou a bombar gostoso, eu só gemia, mordia sua orelha, arranhava de leve as costas dele e aquela pica gostosa entrando e saindo, o sacão dele batendo bem na portinha me deixou doida.

– Ai, mete essa pica vai, que rola gostosa, tá arrombando minha bucetinha.
-Você tava doido pra me comer né? então fode!

Eu tava louca, falava muita putaria pra ele, e quanto mais falava mais ele me comia, e eu por baixo rebolando no seu pau, mexendo a cintura pra aumentar as metidas e não demorou muito ele avisou que ia gozar. Eu deixei ele gozar dentro da minha bucetinha e depois fiquei piscando com a porra escorrendo todinha.

A gente se lavou no mar e voltamos pra casa rindo do que rolou, mas quando chegou a noite bateu a saudade e deu vontade de foder de novo, então a gente foi para um dos quartos da casa e novamente matei a vontade de chupar aquela pica gostosa.

Disk Sexo

2 thoughts on “Transando gostoso com o meu cunhado

  1. Que delicia gostaria muito de fazer o mesmo com você sua gostosa. Me vejo numa situação bem parecida sou loco pra comer minha cunhada que por sinal também é uma delícia não tem um dia se quer que eu não pense em comer aquela bucetinha linda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *