Transando com o Vizinho enquanto marido dorme

boa noite, como tinha falado, vou contar mais uma experciencia que tive com meu vizinho Leandro.

Era um dia de sabado, meu filho ficou na casa da minha mae para passar o fim de semana.

Meu marido como falei sempre trabalha aos sabados, como ele sempre chega mais tarde na sexta, ele sai para o escritorio sempre por volta das 10:30 e 11:00 horas, sesse sabado que passou nao foi diferente.

Eu acordei mais mou menos la pelas 08:00 horas,levantei tomei meu banho coloquei um vestido soltinho e sem sutia, estava muito calor, por volta das 08:45 a campanhia tocou, fui atender, adivinha quem era? o Leandro, falei ta fincando louco meu marido ta la em cima durmindo, ai ele falou abre o portao so que falar uma coisa com voce, inocente abri, ele veio com

uma desculpa que a esposa dele estava com dores na coluna e nao podia fazer café e perguntou se poderia tomar cafe comigo, logico que nao, acho que voce nao ta batendo bem da cabeça ne Leandro, aquilo que aconteceu entre nos so foi momento, acabou, se ele desfiar de alguma coisa eu to ferrada e voce tambem,mais ele nao se conformou com a resposta, me falando Sandra nao consigo tirar voce da cabeça, so de chegar perto de voce fico de pau duro, veja como estou e realmente ele tava ecitadissimo, deu pra ver o volume na calça dele, eu sei mais nao posso fazer nada por voce.

Ele pode sim e me agarrou e me deu um beijo a boca, fiquei tonta, que beijo gostoso,dai pra frente perdi o controle, nos beijamos muito, ele me colocou de costa e me inclinou no sofa, me beija a nuca, rosava aquele pau grosso e grande na minha bunda,ja estava toda molhada de tesao, levantou o meu vestido tirou minha calcinha e começou chupar minha buceta e passava a lingua no meu cuzinho, nossa que gostoso,ja nem lembrava do meu marido, tirei a calça dele e comecei a chupar, o pau dele estava tao duro parecia uma pedra, pedi pra ele coloca logo na minha bucetinha que ja estava

 

pingado de tanto tesao, fui logo atendida, ele socou de uma vez so, peguei a almofado e sufoquei o meu grito de tesao, gozei bastante e ele nada de gozar,ai ele me pediu, deixa colocar no seu cusinho, nossa o tesao era tanto que falei poe mais poe devagar para nao doer, ele pegou a manteiga que estava na mesa do cafe, me lambuzou e passou no pau dele, foi colocando bem devagar, quando entrou a cabeça, pensei que nao ia aguentar,mais ele com todo carinho foi colocando bem devagar ate eu sentir as bolas batento bem devagar na minha bunda, passei a sentir tesao e nao dor, mechia, mechia gostoso, nossa Leandro que gostoso mete com mais

força, mais mais força, gozei, que ate escorria pelas pernas, ele me pediu, deixa eu gozar dentro desse cusinho apertadinho, deixa Sandrinha, deixo goza meu macho, enche meu cu de sua porra, entao ele gozou e gozou muito tambem.
E ai falei vai embora antes que meu marido acorda, ele, e o cafe, deixa pro outro dia.
Meu marido acordou, ja era mais de 10:30, e queria transar comigo, falei, voce ja esta atrasado, vai pro seu escritorio que anoite quem sabe nos transaremos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.