Que Tesão: H de 40 vira CD de 20, irreconhecível.

Isso aconteceu já fazem uns 2 anos, conheci uma pessoa em um evento corporativo bem interessante, descendente de oriental vou chamá-lo de ALVES, casado com sua esposa junto os dois bem apresentados e interessantes, ele baixo magro bem estilo oriental mesmo.
Depois de boa conversa e algumas bebidas fomos ficando íntimos de conversarmos de tudo até de relação, sexo, aventuras estas coisas que dois homens sempre falam (claro que sem a presença de nossas esposas) e chegamos a nos confidenciar que curtimos entrar nas salas de bate papo de site de relacionamentos, demos dicas de como nos identificamos provocando a curiosidade de um tentar localizar o outro, como falamos mais ou menos os horários que costumamos entrar, quais salas frequentamos e tudo mais, confesso que fiquei super excitado ao ponto de ter que ir no banheiro me acalmar.
Como não trocamos número de telefone apenas um sabia sobre as aventuras do outro e o no que trabalhava, mas nenhum de nós deu bandeira de pedir o número para o outro, eu fiquei super interessado em descobrir ele na intimidade, sabe quando tem aquilo que chama atenção.
Entrei com mais frequência nas salas para procurá-lo como tanto eu quanto ele não tem um nome certo para entrar fica complicado, falamos de vários nomes que usamos, e depois de quase uma semana consegui encontrá-lo, foi uma batalha constante.
Tiramos as dúvidas e chegamos a certeza que éramos quem procurávamos mesmo e começamos nossas conversas, como antes de termos certeza já tinha se apresentado com as fantasias, desejos e vontade foi difícil mudar depois kkkk, foi muito engraçado tanto eu quanto ele mas não é bem assim, é apenas brincadeira, vc sabe que sou casado, uma enrolação só (se chamava ElePraVoceEla no site).
Na conversa falou que gostava de se vestir de mulher por ser todo liso, curtia muito ser chamado de Fêmea do Oriente e só curtia ser passiva um monte de coisa que me chamou muita atenção bem antes de saber que era o Alves, fiquei cheio de tesão ele também pelo que tínhamos conversados em eu ser carinhoso com ela, liberal sem neura, sermos casados e tudo mais, resumindo conversamos umas 4 vezes e não aguentamos mais, marcamos um encontro como programado, eu com todo tesão e ela como Fêmea do Oriente e fomos ao encontro.
Procuramos um motel que tinha duas garagens, ele pediu para chegar antes e dar tempo de se arrumar no saldo, eu fui depois como marcado, cheguei, bati na porta com nosso código combinado e entrei, nossa o que encontrei foi outra pessoa que coisa produzida, muito sexy, atraente, com duas taças de champanhe na mão me oferecendo uma, fiquei sem ação, não podia imaginar que ela era o Alves, bebemos e parti para cima, fui logo abraçando, beijando, tocando, pedi para dar uma voltinha, muito tesuda mesmo. Ela me empurrou na cama e começou a se exibir (tudo que falou no bate papo), aos poucos foi tirando peça por peça e jogando em mim, eu fui me livrando da minha camisase requebrava muito, bem sensual, pediu para eu abrir o vestido dela e me deu uma encoxada com a bunda no meu pau que já estava duro e rebolou, soltou o vestido (toda lisinha como falou mesmo, natural) ficou só de calcinha e um sutiãzinho, vibrei, se esfregava, eu abraçava e foi se virando nos beijamos loucamente e me empurrou na cama vindo por cima me beijando, descendo meu pescoço, meus mamilos, foi descendo minha barriga (de chopp), e foi tirando minha calça me deixando só de cueca, meu pau já estava babando e ela lambia por cima e voltou ate minha boca nos beijamos, abracei e nos rolamos na cama, eu estava louco para ver ela nuazinha, mas a safada faz pior que mulher fica instigando até eu não aguentar mais e mobilizar ela arrancando o sutiã, comecei a mordiscar os mamilos lisinhos ela gemia e eu babava mais, nisso ela se virou e sentou no meu colo ainda de calcinha e soltou pelo lado era de velcro, tudo preparado, e puxou ficando nuazinha no meu colo, consegui ver aquela piroquinha pequena, durinha pulsando toda lisa também, fiquei maluco tudo que foi falado era verdade até ai.
Ela me beijou e foi descendo ate lamber meu pau todo babado e abocanhar, que boca deliciosa, como mama deliciosamente nunca tinha sentido isso muito tesão no oral, eu fui puxando ate que ficamos num 69 gostoso, eu enfiava a língua naquele cuzinho lisinho e masturbava o grelinho dela, lambia ela toda, chupava, ela começou a colocar meu saco na boca, e sugar, lambia meu rabo, que delicia tudo que eu imaginava com uma CD até que pedi para não quero gozar na tua boca, ficamos um bom tempo nas preliminares, até que ela falou quero de frango assado a primeira vez pode ser, eu nem estava pensando em posição queria éra foder ela logo, ela ficou na posição desci dei uma boa salivada, deixei tudo melado, fui me posicionando encostei a cabeça da pica no cuzinho dela ela gemeu pedindo para forçar com carinho, fui enfiando a cabeça da minha pica entrou no cuzinho ela gemeu igual uma cadelinha eu sentia o cuzinho dela massagear minha pica e me puxou com tudo que toquei no fundo do cuzinho, ela gritou, gemeu se contorceu e falava fode tua putinha amiga, mete com força, vai fode, eu fiquei só curtindo o momento ela se movimentava pra frente e pra traz que delicia, comecei bombar naquela bunda apertada, não demorou muito veio meu gozo, parei, segurei um pouco e só nos beijávamos, acalmou e continuamos, sem tirar de dentro fomos se virando ate ela ficar de 4 ai sim que visão linda aquela bunda lisinha engolindo minha pica e cuspindo fora, eu masturbava ela também que gozou bem antes que eu, soquei muito nunca vi ninguém gemer tão gostoso, até que falei que ia gozar ai sim vi o que é a Fêmea do Oriente, nossa se contorcia, mexia tanto aquela bunda, o cuzinho parecia uma boca para sugar, comecei a gozar eu urrava de prazer nunca tinha gozado tão gostoso assim nem com minha mulher, ela não parava como tinha gozado antes estava curtindo muito, foi delicioso, ela sentiu que meu pau começou a amolecer ai falou agora esta na hora desta pica respirar um pouquinho e começou a tirar, falando deixa que eu tiro e foi lentamente, ia e voltava, segurou so a cabeça e tirou como se fosse uma chupada que tesão, meu pau saiu limpinho, ela se virou e colocou na boca, falava que pica deliciosa, deixa eu fazer mais um carinho nela, nisso eu estava exausto caído na cama, ela veio me lambendo ate chegar na minha boca e nos beijamos de novo, ela beija muito bem igual uma mulher mesmo.
Caímos um para cada lado e foi engraçado, ele me pedindo o que achou sou mais Alves ou Fêmea do Oriente, sem comparação, vc é um tesão cara, te quero mais, fomos tomar um banho para relaxar e lá foi muito bom, ai sim levei uma mamada deliciosa e também mamei ela que quase um goza na boca do outro, e comi aquela bundinha em pé, foi maravilhoso, saímos direto para a cama, ao fodemos de ladinho muito bom, ela é uma putinha mesmo, sabe cada posição, cada movimento que todas as vezes que saímos fico uns dois dias para me recuperar.
Eu sempre gostei de uma putaria mas igual a Fêmea do Oriente nunca tive é um tesão este meu amigo, o engraçado que nunca mais nos encontramos aqui em Curitiba, sempre marcamos para foder mesmo, isso que é bom, estamos tendo estes encontros praticamente uma vez por mês, as vezes mais as vezes menos, depende das oportunidades, como somos os dois casados, o tesão que regula.
Depois conto novas aventuras com a Fêmea do Oriente, muitas fantasias estamos realizando, um tesão após o outro.
Meu contato [email protected]

Sexo Por Telefone
Disk Sexo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *