Fodida pelo amigo do meu marido

Meu nome real é Juliana e tenho 17 anos, mas me casei faz 2 anos com um cara de 26 anos. Eu trabalho em uma loja, mas nesse dia saí mais cedo, então vim direto para casa. Sou morena , tenho 1.70, seios médios e bundinha grande, desde os 14 anos tenho corpo de mulher que deixam os caras babando, inclusive os amigos do meu marido. Nesse dia, meu marido ainda estava no trabalho, sempre fomos um casal que gosta de ménage e sacanagem pesada . Eu estava com um tesão enorme, que nem um banho resolveu, então já que eu não via meu marido a dois dias pq eu estava na casa da minha mãe, decidi aprontar alguma. O meu vizinho que também é amigo do meu marido é doido pra me comer, sempre noto as olhadas dele, então vesti um top branco transparente e um short colado aparecendo a popa da minha bundinha jovem e resolvi pedir uma xícara de açúcar. Chegando lá ele me pediu pra esperar na sala e foi colocar o açúcar, na volta ele me deu a xícara e fingi derrubar no chão inteiro, como se fosse sem querer. Então quando fui limpar me abaixei e meu seio pulou para fora do top deixando ele louco e sem ação, foi aí que perguntei;

Sexo Por Telefone


-bonito né?
-nossa muito lindo Ju!
-quer pegar neles?
-seu marido n iria gostar
– Acho que ele n está aqui no momento .

Rodolfo (vizinho) se aproximou e tocou meus mamilos, abocanhando e chupando gostoso, me deixando louca, doida pra dá minha bucetinha. Rodolfo me colocou no balcão da cozinha de costas pra ele e tirou meu short, me deixando apenas de calcinha, eu usava uma calcinha de renda vermelha com um espaço na buceta pra colocar o pau, assim que ele viu ficou louco, começou enchendo minha bunda de tapas, eu gemia a cada tapa, sempre amei ser vadia e apanhar no sexo, eu estava fogosa e manhosa. Então depois de apanhar na bundinha resolvi chupar gostoso meu macho que a essas horas estava com o pau totalmente duro. Então comecei deitando ele no sofá e sentando na sua boca, deixando ele sentir o

cheiro de buceta e se lambuzando com meu melzinho enquanto eu o chupava. Começei passando a língua em círculo na sua cabecinha durante alguns minutos ,deixando ele louco , depois chupando todo seu pau enquanto estimulava suas bolas, depois de alguns minutos resolvi engolir todo aquele pau gostoso na minha boca, chupei gostoso o meu macho, me lambuzei inteira, enfiei tudo na garganta sem parar enquanto ele gemia na minha buceta, eu já estava louca, então engoli o que pude enquanto minha cara ficava vermelha e lambuzada, uma verdadeira putinha. Então o levantei e o levei pra minha casa, até meu quarto, queria foder e fazer do meu marido corno. Quando chegamos fomos direto pro quarto, mostrei minha algema e disse que queria ser fodida amarrada, então Rodolfo me amarrou e me colocou de quatro, e falou que se eu gemesse iria foder meu cu até arrombar, mas eu era virgem de cu por ter ainda 17 anos. Ele começou a pincelar minha buceta com seu pau e eu gemia baixinho aaaaaannnnn vai amor, isso mesmo vai
-Cala a boca sua puta, já falei pra ficar calada, se não vou te arrombar.
-Arromba sua putinha vai, enche a buceta dela de porra.
-Aí você quer ser comida sem dó né sua puta

-Vai amorzinho, acaba minha buceta amor, me arromba toda vai
Ele meteu sem dó na minha buceta e puxava meu cabelo enquanto eu gemia e falava
-Fode com força vai seu viadinho, meu macho me come melhor, seu pau tá nem fazendo cosquinha.
-Sua puta do caralho você vai ver o que é pau , vou te arregaça.
1. Rodolfo me fodeu com força e quando eu ia gozar ele parou me deixando louca. Me virou pra sua frente, me vendo desfalecer e enfiou sua mão inteira na minha buceta, eu nunca tinha feito algo assim, meu tesão ficou total enquanto ele estava com os dedos brincando com o meu ponto g e a outra mão enfiando no cuzinho, fiquei mole igual quando perdi o cabaço, me senti virgem outra vez, sendo descabaçada . Foi quando meu marido entrou no quarto e nem percebemos, eperguntou o que estava acontecendo ali, louca de tesão pedi pro meu marido me foder e que hoje eu queria ser puta de dois machos, pedindo por favor pq eu ia desmaiar de tanto tesão, só foi o tempo dele tirar a roupa e mandar Rodolfo continuar pq queria ver a sua putinha levando pisa de rola até chorar.
2. Rodolfo aumentava a velocidade e eu já gritava de prazer, enquanto meu marido segurava minhas pernas no alto pra Rodolfo meter e dizia pra foder essa ninfetinha de 17 anos que era uma putinha em treinamento, me xingava e dizia que hoje era pra eu apanhar muito de rola e que eu iria implorar pra parar. Enquanto isso eu gemia e chorava pedindo pra gozar, pq cada vez que eu estava perto de gozar eles paravam. Então meu marido me sentou no seu colo na cama e começei a cavalgar nele, enquanto Rodolfo fodia meu cuzinho com 2 dedos e eu gemendo loucamente de dor e prazer. Decidi bater uma pra eles dois ao mesmo tempo e ver meus dois machos gemendo pra mim, cada vez mais me sentindo uma puta profissional, amo ser dominada e humilhada na cama. Meu marido colocou o pau na minha buceta, comigo de frente pra ele e mandou Rodolfo enfiar no meu cu sem dó até eu gritar.
-mete no cu dessa minha putinha de 17 anos vai
Rodolfo meter sem do e eu soltei um grito chorando de tesão . Apanhei na cara e na bunda enquanto meu marido dizia que eu era uma puta que merecia chorar com a rola na buceta. Eles me foderam por vinte minutos, eu estava no meu limite ouvindo dois machos gemendo no meu ouvido e me sentindo totalmente arrombada, mas eu estava mole, então gozei gostoso gritando e tremendo, nao conseguia me mecher enquanto minha buceta tremia. Meu marido não satisfeito falou pra Rodolfo me foder mais sem parar, que eles ainda não tinham gozado, então sem forças enquanto eu chorava de tesão eles continuaram me fodendo, eu gritava como nunca, minha buceta estava tremendo quando senti o primeiro jato de leite na minha buceta, logo em seguida no meu cuzinho, gozei de novo de esguicho enquanto meus machos enchiam minha buceta e o cu de porra. Nesse dia dormi ali mesmo, com a buceta e o cu cheio de leitinho, horas depois acordei com rodolfo me fodendo dnv, enquanto eu dormia, eles me foderam a noite toda enquanto eu n tinha forças pra ficar acordada, no outro dia pela manhã meu marido continuou o serviço, eu já estava querendo foder mais, estava insaciável , mas isso é outra história.

Disk Sexo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *