Sexo com a Diarista Gostosa

Fala, meu nome é Rodrigo, tenho 33 anos e sou agrônomo, sou casado, porém minha mulher trampa em outra município, e apenas vem para casa nos fins de semana, por causa disso semanalmente uma diarista tragada Regina vai em minha casa realizar faxina, ela é bastante caprichosa, e embora de ter 41 anos é muito agradável e brincalhona, e inclusive tendo um filho de 9 anos também possui um belo corpo, com uma assento durinha e peitos pequenos, porém o que mais chama atenção lhe é seu modo safado de abordar e comportar-se, constantemente usando um shortinho limitado e uma blusinha que anteolhos somente os seios, no início ia com a sua mãe, que similarmente é diarista, porém como a mãe arrumou um emprego aferrado, ela passou a ir sozinha, bem, após um tempo ficamos colegas e ele contou que seu companheiro ficou absoluto em razão de toxoplasmose e que por ter um dificuldade de fechamento de uma artéria aparecia sofrendo de dores de cabeça e foi ilícito de realizar força físico, sem quantidade nem sequer inclusive fazer sexo. Estávamos conversando sobre isto em um dia no qual eu não fui trabalhar e ela aparecia lá em casa fazendo faxina, estávamos na cozinha, e ela aparecia com seu shortinho que faz com que ela fique com um barrete de fusca e permite analisar sua calcinha enfiada na sua assento, e enquanto ela me falava que já aparecia há 3 meses sem quantidade fazer sexo me contou que aparecia tendo bastante dificuldade cobiçoso, uma vez que tudo aparecia bastante caro, e as indivíduos estavam começando a acabar de contratá-la para diminuir gastos, eu aparecia apenas de bermudinha em casa, havia abatido de tomar um bom banho e ela virou pra mim e disse, meio que em acento de brincadeira, acho que vou iniciar a realizar programa escondida, uma vez que dessa maneira acabo matando meu atração e resolvendo meu dificuldade de dinheiro, ela disse isto e riu, porém na momento isto me deixou excitado, de análogo maneira que meu pau tirou um volume sob a bermuda, como aparecia ao lado dela eu coloquei a mão em seu alteamento e perguntei se ela tava pensando de fato grave nessa coisa, ela colocou a mão em minha cerca e disse que tinha momento que tinha desejo inclusive, porém o dificuldade é que teria que permitir pra um acervo de gente feia, que os caras que iam desejar ela não iam ser novinhos e bonitos iguais a mim, no momento em que ela disse isto eu segurei a mão dela tomei afoiteza e falei, -você que pensa, olha como que eu fiquei apenas de escutar você falando isto! Por isso coloquei a mão dela sobre meu pau, por cima da bermuda, ela olhou pra mim com cara de assustada e de safada e disse, -nossa Rodrigo, você teria inclusive afoiteza, inclusive com uma mulher bonita aproximado a sua? Porém enquanto ela falava deixou a mão em meu pau, eu por isso tirei ele pra fora da bermuda e coloquei sua mão nele e falei que se ela quisesse, eu comeria ela agora, ela começou a me masturbar em pé, abordado no balcão da cozinha, e disse que não sabia se devia realizar isto, que tinha ciúme e coisas dessa maneira, porém sem acabar de abrandar meu pau, da cabeça até o saco, eu virei ela de costas e encostei meu pau na sua assento e comecei a me arear na sua bundinha, enquanto ela continuava a me punhetar devagarinho, com minha outra mão comecei a acariciar sua boceta por cima da bermuda, ela afastou a bermuda pra que eu enfiasse a mão na sua boceta, e quanto pus meus dedos na sua boceta senti todo aquele melado, ela aparecia louca de desejo de permitir, por isso pus ela sentada na cátedra da alimentação e comecei a arear meu pau na sua cara, passando em seus lábios, ela ficou sentindo o cheiro de meu pau e por isso começou a abocanhá-lo, segurando em meu saco e empurando meu corpo de abalroamento a sua boca, sugou com desejo por alguns minutos, até que não mais agüentei e levei ela a favor sová, arranquei somente seu shorte e sua calcinha e empinei bem aquela bundinha pra mim, acariciei um tanto mais aquela atraente bocetinha e enfiei meu pau lhe com desejo, meu pau deslizou com facilidade, e ela aparecia tão lubrificada que tive dificuldades pra achincalhar, eu ia metendo na sua boceta e batendo na sua assento, e ela gemia e dizia:-isso, mete na mamãe, come a mamãe come seu bom!, Enquanto ela gemia ela rebolava aquela assento gostosa e após uns 15 minutos de um vai e vem frenético acabei gozando na sua bundinha….em seguida disso ela tomou um banho e voltou a realizar o serviço, eu similarmente tomei um banho eu fui a favor computador, no momento em que ela terminou eu paguei o dobre da preço comum da faxina, ela olhou pra mim e agradeceu, e não disse mais nada, pedi que ela passasse a vir duas vezes por semana, já que minha mulher apenas está em casa nos fins de semana, ela agradeceu e disse que ia se empenhar pra eu não me arrepender. E essa foi a primeira vez que eu a fodi, porém a história não acaba aí, esse é somente o início. Espero que tenham gostado.

Sexo Por Telefone
Disk Sexo

One thought on “Sexo com a Diarista Gostosa

  1. Adorei gostaria de saber se à maioria das domésticas ou melhor das diaristas aceita às cantadas dos patrões e se jegam a fazerem sexo com eles adoro mulher casada e diaristas são mais fácil de levar para a cama gostosa de conhecer umas mulher casada assim moro em são Paulo e tenho 53 anos e muito safado adoro mulher acima dos 50 entre em contato [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *