O dia em que minha buceta foi arrombada pelo meu namorado

Eu e meu namorado nunca tínhamos transado, pois nunca surgia oportunidade e ele queria que nossa primeira transa fosse especial inesquecível. Eu era virgem tinha uma bucetinha bem apertadinha louquinha pra saber o que era ter uma pica dentro dela, minha bucetinha é bem rosinha e possuí muito mel o qual meu namorado ama chupar se lambuzar todinho, sempre deixei meu namorado louco de tesão ao mandar nudes super sensuais para ele, sempre o deixava de pau duro facilmente com meus nudes, ou com mãos safadas enquanto nos beijavamos. A sede por saber o que era transar

estava cada vez maior em mim, e a vontade do meu namorado de me comer também, trocavamos mensagens safadas loucamente pelo Whatsapp, fazendo virtuais loucos onde gozavamos muito se masturbando sem parar, eu já era a putinha dele e ele meu cachorro safado, nos divertíamos muito fazendo virtuais até que surgiu uma oportunidade. Em uma terça feira 22 de maio teria  abertura do Joer no colégio municipal então não perdi tempo e pedi para meus pais deixarem eu ir para casa de uma amiga para poder ir com ela na abertura e participar, já que meus pais não me deixam sair sozinha e nem me acompanham muito nesses tipos de eventos para que eu possa participar,  assim eu fiz, fui para casa da minha amiga nos arrumamos e fomos para a abertura anoite , chegando lá passeamos um pouco e logo encontrei meu namorado, ele tava lindo atraente e cheiroso espalhando tesão e vontade de aprontar até no respirar, logo despistamos minha amiga a irmã dela e a mãe, ficamos sozinhos andando no meio da rua pensando em fazer arte mais não sabendo onde poderiamos ter privacidade, então meu namorado sugeriu que fôssemos na casa de sua avó que já estaria dormindo aquela hora, sendo que lá poderiamos ficar na cama tornando tudo mais especial fazendo de um jeito romântico para que minha primeira vez fosse mágica assim dizia meu namorado, más a casa da avó dele  ficava meio longe e eu estava com um pouco de medo então não aceitei, prosseguimos andando então ele sugeriu uma casa que estava em construção más tipo ele sugeriu que fôssemos para ter mais privacidade com mãos bobas beijos quentes más sem chegar no sexo pois ele queria que fosse romântico e especial em um lugar apropriado, então aceitei andemos mais um pouco para despistar algumas pessoas que nos conheciam que estavam na rua próximos a casa, e então invadimos a casa em construção, a casa  não estava totalmente escura havia alguns reflexos de luz vindos da iluminação da rua o que deixou o clima bem agradável para dar uns pegas gostoso, começamos nos beijar localmente como se o mundo fosse acabar logo as mãos bobas começaram a rolar soltas eu apertava o pau bem gostoso e logo já estava enfiando a mão dentro da sua calça movimentando o pau feito uma putinha, e ele metendo a mão na minha buceta, meu namorado tava cheio de tesão o pau duro feito pedra e eu já toda molhadinha então  ele ergueu minha blusa e meu sutiã e começou mamar nos meus peitinhos huuum aquilo foi uma delícia, não esqueço aquela carinha de bb safado louco pra fuder então ele foi descendo com beijos molhados pela minha barriguinha dando leves mordidinhas e chupões, eu não bobiei e tirei seu pau para fora comecei masturbalo tava uma delícia aquele pau. Eu já estava ficando com as pernas bambas então meu namorado decidiu fazer um banquinho pra sentarmos pra nos beijarmos mais confortavelmente ele buscou alguns tijolos e uma tábua e fez um banquinho más eu nem quiz sentar, ainda , melhor dizendo rs rs rs, ele sentou no banquinho ficou com a pika pra cima pedindo uns beijos na cabecinha eu nunca tinha chupado más resolvi testar, di alguns beijinhos leves e chupei um pouco a cabecinha da piroca então ele se levantou e voltamos a nos beijar intensamente, ele levou a mão no siper da minha calça e eu deixei pra ver onde iria, ele abriu e começou a meter a mão na minha buceta sentindo o melzinho nos dedos, então ele abaixou minha calcinha vermelha de rendinha olhou nos meus olhos e pediu pra esfregar o pau na minha bunda e no meu grelinho eu não disse que sim e nem que não, ele insistiu então me pós de costas e começou a pincelar aquela pika gostosa na minha buceta encaixando certinho ela na entradinha da minha bucetinha ficou esfregando gostoso no meu grelinho me deixando louca de tesão morrendo de vontade de dar, más eu só dizia: -amor não é pra colocar sem camisinha!E ele: – sim amor não vou colocar fica tranquila!, más ele estava louquinho pra pôr aquela pika em mim, tanto que começou pincelar meu cuzinho e logo já estava forçando a entradinha dizendo que meu cuzinho estava muito gostoso meladinho e quentinho, eu estava cheia de tesão e vontade queria muito transar com aquele putinho que também estava louco pra me comer, eu estava toda melada o melzinho estava escorrendo então meu namorado pediu pra chupar me pós encostada na parede e pediu pra que eu abrisse as pernas e empinasse ele abaixou e meteu a lingua na minha buceta huummm haaa que sensação maravilhosa nunca tinha sido chupada foi muito gostoso, más meu namorado não aguentou ficar chupando por muito tempo logo estava ele de novo querendo esfregar a pika na minha buceta, então eu disse coloca a camisinha ele olhou pro meu rosto e disse: – tem certeza amor,não precisamos se você não quiser, tem certeza que quer aqui?eu disse que sim, que tinha certeza. Então ele sentou no banquinho puxou a calça e a cueca que estavam abaixadas até no joelho pegou a camisinha na carteira e colocou naquela pika gostosa ficou brincando com a pika e olhando no meu rosto, eu tirei a roupa e fui me aproximando dele beijando aquela boquinha gostosa então subi em cima do banquinho onde ele estava sentado e coloquei a buceta na boca dele ele passou a linguinha então sentei no colo dele, ele pegou a pika e segurou bem empezinha eu peguei e coloquei na entradinha da buceta e sentei nela contudo huum haa doeu um pouquinho sim, fui gulosinha de mais  sentando de uma vez, logo na minha primeira transa más  também minhas pernas já estavam moles, então comecei a cavalgar bem gostoso na pika do meu puto humm delicia tava gemendo gostoso , meu namorado estava supreso pois para uma virgem eu sábia bem como se fazia, cavalguei até que as pernas começaram a doer então ficamos em pé e ele me escorou na parede mandou eu abrir bem a buceta, eu abri bem as pernas e ele meteu gostoso em mim me comeu sem dó, eu tava sentindo muito prazer era uma mistura de dor com prazer era uma delícia eu gemia feito uma putinha e meu namorado gemia junto me comendo sem parar, a buceta ficou tão melada que o pau nem queria parar direito mais dentro começou a escapar então eu arrumei com a mão e rebolei gostoso na pika do meu cachorro então ele pediu pra que eu ficasse mais empinada e com as pernas juntas huuumm haaa que tesão, ser comida daquele jeito foi maravilhoso, ele começou puxar meu cabelo bater na minha bunda e me chamar de safada gostosa eu gemia sem parar queria cada vez mais forte ,ÃÃÃÃÃN OHNNN AÃÃÃN AÃÕÕÕHN” na minha buceta entrando com força haaa , estavamos para gozar quando ouvimos vozes então pedi pra que meu namorado parasse e rapidamente vesti minhas roupas com medo de ser alguém conhecido e nos pegasse pelados ali,ele também vestiu a calça, então eu com as pernas moles sentei já com roupa no banquinho e fiquei toda boba depois daquela foda maravilhosa. As vozes era alguns garotos passando na rua então meu namorado falou pra terminamos o que havíamos começado más eu estava completamente sem forças depois de dar pro meu putinho, então ele sentou do meu lado e me fez carinho então eu fiquei sentida pois ele não havia gozado foi quando eu disse que queria chupar a pika dele , então ele tirou pra fora e eu comecei a mamar gostoso naquele cacete hummm ele gostou muito da minha boquinha eu mamei até o pau começar escorrer porra então ele avisou que ia gozar deixei ele gozar na minha boca mais por ser a primeira vez que eu experimentei porra na boca,meu estômago revirou então cuspi tudo e bem em cima do pé do meu namorado que estava calçado meias, e ainda fiquei segurando a pika dele ainda em processo de gozo bem em cima de mim pingando porra em mim toda. Nós dois demos muitas risadas depois alguns beijos e ele se vestiu e fomos embora namorar como um casal santinho na quadra do colégio.

16 thoughts on “O dia em que minha buceta foi arrombada pelo meu namorado

    1. Oii leeh!
      Tenho muita vontade de transar com meninas e não encontrei ninguém ainda
      Quero muito chupar sua bucetinha e dar muito carinho.
      Meu Whatsapp 011977733186
      Pode me chamarem quem tiver meninas para mim sou muito carinhoso e não judio delas.
      Meninas acima de 5 aninhos
      Meu telegram Costa @Costa 1503

  1. Vc novinha safadinha que curtem uma sacanagem vamos gozar gostoso no sexo virtual deixo tua bucetinha toda gozadinha chama ai 02163992309834 apenas para novinhas safadinhas da bucetinha gostosa

  2. Vc novinha safadinha que curtem uma sacanagem vamos gozar gostoso no sexo virtual deixo tua bucetinha toda gozadinha chama ai apenas para bucetinha gostosa 02163992308344

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *